Comunhão com Deus

Reflexões Diárias

Para poder comungar a Deus, é preciso primeiro saber comungar com os irmãos

Índice: Voltar ao índice das reflexões

Preciso muito de sua ajuda para continuar a manter o site no ar!
Doação: Ajude a evangelizar. Clique aqui para doar qualquer valor.


Quando alguém só pensa em si mesmo, não faz senão levantar uma barreira indestrutível contra o verdadeiro amor.

Amor é “comunhão”, verdadeira entrega mútua, portanto, deve estar disposto a dar e a receber; para dar, é preciso ser generoso; para receber é preciso ser humilde; somente os generosos e os humildes estarão em condições de amar verdadeiramente.


Não há comunhão mais profunda, mais íntima e mais real que a comunhão com Deus; porque nela Deus se entrega plenamente a nós e nos recebe com plenitude. Por isso, a comunhão eucarística é a melhor forma de chegarmos a desaparecer, para converter-nos em Deus, que chega a possuir-nos até o mais íntimo do nosso ser.

Para poder comungar a Deus, é preciso primeiro saber comungar com os irmãos, com todos os homens; e comungar com os irmãos é dar-se a eles e receber deles.

“Em obediência à verdade, tendes purificado as vossas almas para praticardes um amor fraterno sincero” (1Ped 1,22). “Devemos ser justos, devemos ser bons, devemos  embriagar-nos de paz e de amor e ter a alma sempre à flor dos lábios e desnudo e limpo nosso coração”.