Reflexões Diárias

Não faz muito tempo...
14 FEVEREIRO DE 2012

Não faz muito tempo, apareceu e tornou-se muito popular uma canção intitulada Vivo Cantando.
E calha muito bem, porque a vida tem que ser um canto, assim como o canto deve ter vida.

Sem demora, é preciso que cada um de nós escolha o tom da canção de sua vida: o tom triste menor do cântico fúnebre ou o tom maior da alegria. Os que escolhem o tom lúgubre das queixas: “Como está maio mundo!”, “Cada vez vamos pior!”, “Onde vamos parar?” estão difundindo à sua volta o pessimismo, o derrotismo.

Temos que preferir o sustenido ao bemol: a alegria, o entusiasmo, a fé, a esperança, a caridade. Precisamos viver cantando, espalhando ao nosso derredor as notas do pintassilgo e não o chilreio do gorrião; dissipando sombras e não acumulando nuvens; projetando feixes de luz e não submergindo nas trevas.

Porque deve ser coisa muito triste caminhar pelas trevas, sem saber onde nos encontramos nem aonde vamos.

Cristo é a luz que ilumina e o caminho que devemos trilhar para não nos extraviarmos. “Vinde a mim, vós todos que estais aflitos sob o fardo, e eu vos aliviarei” (Mt 11,28).

Com uma santa alegria,
afastando covardias,
levaremos o teu Reino,
a nossa nação querida.

Compartilhe esse momento com seus amigos
Divulgue a reflexão diária no facebook, basta clicar no icone do FACEBOOK ou outro programa que você desejar compartilhar com seus amigos. Ajude-nos a levar a Palavra de Deus a todos.
Leia também:
Litúrgia diária com comentário do Evangelho e Leitura Orante.
Homília Dominical - Homilia preparada pelo Pe Wagner A. Portugal
Missa com crianças - Prepare a missa com crianças da sua catequese ou utilize as historinhas nos encontros de catequese, ótimo conteúdo.
Oração diária com a Bíblia - Receba uma indulgência todos os dias
Voltar ao índice das reflexões
 
xm732