Enriqueça a sua fé
 
Seja agradecido com Deus!
 
Leia os outros artigos
 
Para enviar esse texto automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar esse artigo para todos seus amigos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
Leia os outros artigos
 

Eu gosto de escrever, sobretudo sobre as minhas vivências com Jesus. Esta manhã, estive retocando um livro que poderia ser uma resposta a muitas inquietudes. Estava por terminar, quando uma prima da minha esposa me enviou um vídeo que me encantou.
 
Era sobre o sentido da vida e sobre quão pouco admiramos a criação. Mostrava o quanto perdermos ao não observar a realidade ao nosso redor e perceber que tudo é um presente que nos é dado.
 
Lembro-me de uma vez em que estava com minha esposa e meus filhos passeando pelo interior do país. Às vezes, parávamos à noite, no meio do nada, naquela estrada escura e silenciosa, para admirar o céu e as estrelas. Que espetáculo! Quantas vezes esquecemos de quão incrível e belo é o firmamento.
 
Vivemos embebidos, absortos em nossas coisas, e esquecemos que a vida é um presente, um dom que nos é dado.
 
Faça um teste: experimente desligar a televisão, o computador, o celular... Deixe tudo de lado por alguns instantes, saia de casa e contemple o firmamento. Não é maravilhoso tudo o que nos cerca? Você já havia percebido quão belo é?
 
Pela manhã, antes de ir ao trabalho, olhe com curiosidade ao seu redor. Observe as cores de uma flor, o movimento do gramado, a sombra das árvores...
 
Estas maravilhas fazem que brote em nós uma palavra esquecida em nossa época: “gratidão”.
 
Usei esta palavra poucas vezes em meus livros. Quase não pensei nela.
 
Está acima dos nossos interesses e dificuldades. A gratidão nos engrandece, nos mostra que há outras coisas importantes neste mundo.
 
Quero cultivar esta palavra, ser agradecido com Deus. Cada manhã, quando levanto, penso nisso. Com certeza, o bom Deus espera de nós um pouco de gratidão, como o leproso que voltou para agradecer Jesus por tê-lo curado. Quero ser como esse homem e agradecer a Deus por tudo o que me deu.
 
Adoro ler livros sobre a vida dos santos. Sempre aprendo algo novo deles: sua fé, sua confiança, a vida de oração que tiveram, como conseguiram caminhar na presença de Deus... Fico emocionado com suas últimas palavras, aquelas que nos deixaram antes de partir para o Paraíso.
 
Santa Clara é uma das que mais me marcou. Ela incentivava as irmãs em seus últimos momentos: “Filhinhas minhas, louvem Deus”, dizia.
 
Com profunda paz, brotou dos seus lábios esta oração, que podemos repetir: “Obrigado, Senhor, por ter me criado!”.

Claudio Castro

aleteia.org

 
 

xm732