Enriqueça a sua fé
 
Que o Senhor multiplique em nós aquilo que é bom
 
Leia os outros artigos
 
Para enviar esse texto automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar esse artigo para todos seus amigos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
Leia os outros artigos
 

A Palavra meditada, hoje, está em São João 6,1-14:

1. Depois disso, Jesus foi para o outro lado do mar da Galiléia, ou seja, de Tiberíades.
2. Uma grande multidão o seguia, vendo os sinais que ele fazia a favor dos doentes.
3. Jesus subiu a montanha e sentou-se lá com os seus discípulos.
4. Estava próxima a Páscoa, a festa dos judeus.
5. Levantando os olhos e vendo uma grande multidão que vinha a ele, Jesus disse a Filipe: "Onde vamos comprar pão para que estes possam comer?"
6. Disse isso para testar Filipe, pois ele sabia muito bem o que ia fazer.
7. Filipe respondeu: "Nem duzentos denários de pão bastariam para dar um pouquinho a cada um".
8. Um dos discípulos, André, irmão de Simão Pedro, disse:
9. "Está aqui um menino com cinco pães de cevada e dois peixes. Mas, que é isso para tanta gente?"
10. Jesus disse: "Fazei as pessoas sentar-se". Naquele lugar havia muita relva, e lá se sentaram os homens em número de aproximadamente cinco mil.
11. Jesus tomou os pães, deu graças e distribuiu aos que estavam sentados, tanto quanto queriam. E fez o mesmo com os peixes.
12. Depois que se fartaram, disse aos discípulos: "Juntai os pedaços que sobraram, para que nada se perca!"
13. Eles juntaram e encheram doze cestos, com os pedaços que sobraram dos cinco pães de cevada que comeram.
14 .À vista do sinal que Jesus tinha realizado, as pessoas exclamavam: "Este é verdadeiramente o profeta, aquele que deve vir ao mundo".



Quando vivenciamos algo impactante em nossa vida, aquilo não sai da nossa mente. A multiplicação dos pães foi algo de grande impacto na vida daquele povo, pois esse milagre foi narrado seis vezes pelos evangelistas. O milagre da multiplicação não atingiu apenas uma pessoa, mas uma multidão.

Para evangelizar é preciso ter criatividade. Jesus era um evangelizador criativo, por isso escolheu um local propício e confortável para que o povo pudesse ouvi-Lo. Ao passo que nós, muitas vezes, queremos evangelizar de qualquer jeito. A evangelização tem de ser feita com a oração. Se quisermos evangelizar bem, paremos para rezar e na oração peçamos a Deus discernimento para fazê-lo bem e um local para falarmos em Seu nome. Quando há unção e boa vontade não importa o local onde vamos evangelizar.

Jesus pergunta a Felipe: "Onde vamos comprar pão para que estes possam comer?", ou seja, a iniciativa foi do Senhor. Muitas vezes, pensamos que Jesus não nos escuta. Achamos que pedimos a Ele e não somos respondidos. Mas isso não é verdade; o Senhor nos escuta e se compadece do nosso sofrimento e da nossa dor.

Se até hoje tínhamos dúvida se Jesus estava nos testando ou não, sim, Ele o está, pois quer saber a nossa resposta e analisar a nossa fé. O povo saiu de sua comodidade e foi ao encontro do Senhor para ouvi-Lo. O Senhor não desampara aquele que vai ao encontro d'Ele. Ele não é cego e indiferente às nossas necessidades. Muitos não entendem por que sua oração não é atendida; isso acontece porque, quando estamos distantes de Deus, não tem como Ele nos ouvir.

Felipe diz ao Senhor: "Nem duzentos denários de pão bastariam para dar um pouquinho a cada um", ou seja, ele acha que é algo impossível. André, mesmo acreditando que os pães não seriam suficientes para alimentar a multidão, tinha a esperança de que Jesus faria um milagre. Por isso ele deu o pouco que tinha a Jesus para que Ele o multiplicasse.

Para que algo seja multiplicado em nossa vida precisamos dá-lo a Jesus primeiramente, para que Ele faça isso. Mesmo nosso pouco, Ele consegue multiplicar. O Senhor pode multiplicar muito na nossa vida. Apresentemos a Deus o que, em nossa vida, precisa ser multiplicado. Lute com a ajuda do Senhor e não jogue seus problemas para Deus resolver sozinho.

Em nossa caminhada, somos como Felipe ou como André? Felipe, que disse a Jesus que não dava para fazer nada, ou André, que mesmo parecendo impossível, acreditou? Para o milagre acontecer, o Senhor precisa de nós. Ele quer contar conosco.

Após o milagre da multiplicação, a multidão foi alimentada e ainda recolheram doze cestos de alimentos que sobraram. Jesus diz a Seus discípulos: "Juntai os pedaços que sobraram, para que nada se perca!". O Senhor Jesus não deixa nada que é da Providência Divina se perder. O que tem sobrado em nossa casa? Não perca a oportunidade de doar, de dar a quem precisa, porque, se algo sobra em nossa casa, é sinal de que aquilo não nos pertence.

Peçamos que o Senhor multiplique em nós o sorriso, a alegria, as palavras boas, nossos dons. Precisamos contagiar nossos irmãos com nosso testemunho alegre e positivo, com aquilo que é bom. Multipliquemos tudo o que somos e temos com mais com alegria!

Padre Arlon Cristian
Sacerdote da Comunidade Canção Nova

 
 

xm732