Especial - A Bíblia para crianças
 
As parábolas de Jesus
Fonte: Revista Família Cristã
 
Leia os outros artigos
 

Através de parábolas, que são histórias bonitas, cheias de símbolos e comparações, Jesus comunicava a sua mensagem ao povo e ensinava muitas coisas interessantes sobre o Reino de Deus.

O povo gostava muito de escutar Jesus, pois o que ele falava era muito diferente daquilo que diziam os rabinos (os mestres da religião naquele tempo). O que eles ensinavam era muito complicado. Os rabinos falavam de uma porção de leis, de como respeitar o dia santo (domingo para nós), como jejuar, pagar o dízimo, ou seja, os dez por cento daquilo que recebiam, e tantas coisas mais que deixavam todo mundo confuso. Por isso as pessoas não conseguiam viver as coisas mais importantes da religião, como a justiça e o amor ao próximo, por exemplo. Jesus, porém, falava de um modo tão simples, que todas as pessoas entendiam a sua mensagem.

Sabe por que esse modo de Jesus ensinar e se,comunicar era tão aceito pelo povo? E que ele falava através de parábolas, ou seja, contando histórias e fazendo comparações. Jesus observava o.que acontecia no dia-a-dia com as pessoas e tirava lições disso para ensinar a todos. Por isso, ele comparava o Reino do seu Pai com a vida das pessoas, das coisas, da natureza. Usava os símbolos que o povo conhecia, como a semente, as aves, a luz, a rede de pescar, entre outros. Suas palavras eram cheias de vida e bastante claras.

Falando simples assim, todos entendiam, gostavam muito de ouvir o que Jesus dizia e percebiam que ele era um grande profeta, que falava em nome de Deus. O mais interessante é que ninguém esquecia as histórias que ele contava. Uma delas é a Parábola do semeador, que vamos conhecer a seguir, para você gostar mais ainda de Jesus. Ela fala do que aconteceu com as sementes de um agricultor.



 
 
xm732