Colunas
 
A ciência supereminente
Por: DOM ALOÍSIO ROQUE OPPERMANN
SCJ ARCEBISPO DE UBERABA, MG
 
Leia os outros artigos
 

O Ano da Fé nos traz “um ano de graça do Senhor”. Essa graça não vamos desperdiçar. Vejo com muita admiração o esforço hercúleo que a humanidade faz para desvendar os segredos do átomo, da matéria escura, das leis da alma humana.

O que vai acontecer no dia em que os cientistas não conseguirem mais deter a curiosidade sobre as riquezas da pessoa de Cristo... Será um progresso jamais visto. O que está escondido nessa rica personalidade vai ser motivo de empolgação permanente.

Está previsto nas Escrituras que esse tempo há de chegar. “Todos me conhecerão desde o menor até o maior” (Hb. 8, 11).

Basta olhar para a encarnação de Jesus, ponto de junção entre a natureza humana e a divina. É um festival de harmonia, é a composição mais complicada e sábia de todo o universo. Por enquanto, o que sabemos sobre Ele, quando dizia a palavra “eu”,  representa apenas um pequeno vagido da ciência.

Definitivamente, chegará o dia em que nos debruçaremos sobre a grande obra da criação por excelência, e mergulharemos no poder do Pai e na força do Espírito, que ultrapassa de longe qualquer mistério do cosmos.

Neste Ano da Fé queremos também abrir nossa mente à eficácia do “sangue salvador” de Jesus, que a teologia já desvendou. Antigamente as pessoas achavam que a concentração da vida estava no sangue. Derramar sangue era um crime contra a vida. Também a humanidade podia se alimentar com a carne dos animais, mas não era lícito se alimentar com essa seiva da vida. Já se considerou, outrossim, a vida como residindo no coração, mas hoje se acha que está nas atividades cerebrais. Jesus se adaptou à humanidade.

Por isso aceitou o conceito de vida da sua época. Querendo dar sua vida para a nossa salvação, ele derramou o seu sangue. Era o gesto máximo de doação, de eficácia infinita.  Nós fomos salvos por essa doação. “Estes lavaram as suas vestes e as alvejaram no sangue do Cordeiro” (Ap 7, 14). A nossa salvação está em ação, no mistério eucarístico, onde desfrutamos da Palavra do Senhor, de seu Corpo e do seu precioso Sangue.  Vamos transmitir nossos conhecimentos sobre Jesus, que é o conhecimento mais profundo que existe, e de maior eficácia salvadora.

 
 
xm732