Colunas
 
A perspectiva final
Por: Padre Wagner Augusto Portugal
 
Leia os outros artigos
 

O sol da justiça já raiou no coração das comunidades cristãs que se reúnem para celebrar a fé: “Anunciamos, Senhor, a vossa morte e proclamamos a vossa ressurreição”. A Eucaristia tem sido para os cristãos, fonte de esperança e certeza de vitória.

Deus fez justiça, ressuscitando seu filho Nosso Senhor Jesus Cristo. Celebrar esse acontecimento é dar razão à esperança que anima as lutas de todas as comunidades sofredoras, de todos os trabalhadores mal remunerados e que não tem possibilidade de emprego, renda e inclusão social.

Na Santa Eucaristia celebramos a resistência de Jesus e dos cristãos de todos os tempos. E à medida que vamos celebrando nossas lutas, organizando-nos inteligentemente, desmontamos aquele tipo de sociedade que matou nosso Salvador e hoje oprime seus amigos e seguidores.

À luz da Palavra de Deus, aprendemos que nossos esforços não são inúteis: “É permanecendo firmes que vocês irão ganhar a vida!”. À medida que nos comprometemos com o projeto de Deus, vamos tornando realidade a convicção do poeta: “Quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.



 
 
xm732