Colunas
 
Visão hoje
Por: DOM PAULO MENDES PEIXOTO
BISPO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - SP
www.bispado.org.br
 
Leia os outros artigos
 

A prática de vida cristã não pode ser apenas de teoria e de visão fechada para o mundo. Na nova cultura esta capacidade de enxergar tem que ser ampliada, superando até os costumes e estruturas totalmente infecundas para as realidades dos dias de hoje. É preciso avançar na construção do bem com visão otimista.

Não basta ter os olhos arregalados fisicamente. Aliás, há cegos que conseguem perceber a realidade com muito mais claridade e determinação. Ver esteticamente é uma coisa. Entender e ver o que está por traz de tudo é outra questão. O que é visto pode estar travestido do irreal e até de maldade.

Muitas pessoas são excluídas da vida por não ter a oportunidade de enxergar corretamente. A cegueira, em certos casos, pode incomodar as outras pessoas. É o que acontece com o grito de muitos pobres com suas atitudes pertinentes. Grito que muitas vezes é abafado pelos que se julgam enxergar.

Ter os olhos abertos é como ter esperança, é ter liberdade para conquistar as possibilidades de uma vida mais feliz. É abrir caminhos de realização, construindo a cultura da verdade e do amor. A visão faz a pessoa avançar no processo de conquista e de realização dos seus objetivos de vida.

Viver marginalizado é um sintoma muito forte de cegueira, de opressão e de impossibilidade de uma vida com dignidade. Isto provoca nas pessoas que vivem em situação diversa, atitudes de compaixão, de trabalho de libertação e ação até de caridade fraterna. É por isto que muitas associações se organizam para ajudar os necessitados.

A compaixão é fundamental na convivência das comunidades. É dedicar-se ao outro, principalmente estando ao lado dos mais pequeninos e pobres. É seguir os passos de Jesus Cristo assumindo os desafios e as dificuldades de uma cultura excludente.

Ter os olhos abertos é enxergar o caminho do discipulado, sendo presença transformadora do mundo contemporâneo. A tendência hoje é de impedir uma visão com os parâmetros da ética e da moral, fato que favorece a ditadura do individualismo.



 
 
xm732