Colunas
 
Servir primeiro a Deus!
Por: DOM EURICO DOS SANTOS VELOSO
ARCEBISPO EMÉRITO DE JUIZ DE FORA, MG.
 
Leia os outros artigos
 
Para enviar esse texto automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar esse artigo para todos seus amigos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
Leia os outros artigos
 

O vigésimo quinto domingo do tempo comum nos apresenta a fantástica página de São Lucas 16,1-13, em que nos fala de como deve ser o nosso relacionamento com Deus e com o dinheiro. Jesus é categórico ao afirmar que: "Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou odiará um e amará o outro, ou se apegará a um e desprezará o outro. Vós não podeis  servir a Deus e ao dinheiro"(Cf. Lc. 16,13).

O nosso testemunho individual e comunitário deve mostrar ao mundo que as riquezas materiais, o ajuntar dinheiro, a avareza, não podem ser o valor último a orientar toda a vida humana. Ao contrário, quem coloca o dinheiro como o centro de sua vida, "com efeito, os filhos deste mundo são mais espertos em seus negócios do que os filhos da luz"(cf. Lc 16,8). Por isso muitas vezes observamos que as pessoas que não tem fé se dão melhor em seus negócios, porque não recolhem impostos, porque são desonestos, porque não tem a honestidade como regra de vida. Por isso o próprio profeta Amós nos adverte, com a sua palavra bem atual, parecendo que esta primeira leitura da liturgia foi escrita para os dias de hoje: "E o sábado, para darmos pronta saída ao trigo, para diminuir medidas, aumentar pesos e adulterar balanças, dominar os pobres com dinheiro e os humildes com um par de sandálias, e para pôr à venda o refugo do trigo?"(cf. Am 8,5-6).

As pessoas, que de alguma maneira ou forma, detêm a responsabilidade pelo bem comum das pessoas, devem exercitar o seu ofício com sensibilidade aos ensinamentos de Cristo, indo ao encontro dos mais humildes, sofredores e necessitados. Não nos deixemos levar pela tentação da riqueza, do poder, da opressão. Porque não é só o dinheiro que oprime. O poder despótico oprime mais do que aqueles que compram, com dinheiro ou com respostas financeiras, as pessoas: "E eu vos digo: usai o dinheiro injusto para fazer amigos, pois, quando acabar, eles vos receberão nas moradas eternas. Quem é fiel nas pequenas coisas também é fiel nas grandes, e quem é injusto nas pequenas também é injusto nas grandes. Por isso, se vós não sois fiéis no uso do dinheiro injusto, quem vos confiará verdadeiro bem? E se não sois fiéis no que é dos outros, quem vos dará aquilo que é vosso?"(Cf. Lc 16,9-12).

Quem coloca o dinheiro como centro da sua vida, quem coloca o poder para oprimir os demais, como obsessão, é chamado a abrir o seu coração à graça divina e reconhecer que somente em Deus encontramos a verdadeira segurança. Tenho observado a obsessão de algumas pessoas, dentro da Igreja, na contra mão da misericórdia ensinada pelo Papa Francisco, a destruir as pessoas que lhe fazem sombras ou que lhe incomodam na sua insignificância. Da mesma maneira que estas pessoas usam  de dinheiro para comprar posições, amizades e para perseguir, se esquecem que da mesma maneira que feri o outro com ferro será ferido da mesma maneira: "Quem com ferro feri com ferro será ferido!".

Ouçamos pois, a advertência de que o dinheiro e o poder não combinam com Jesus, para que saibamos cada vez mais nos desapegar dos bens materiais e, como disse meu irmão Dom Hugo Maria, bispo emérito de Almenara: "desapegar da "mitrinha", da "mentalidade principesca" e da obsessão em perseguir o outro", para testemunhar, como nos ensina Jesus e o Papa Francisco a MISERICÓRDIA, a FRATERNIDADE, a JUSTIÇA, a PAZ e a FÉ.

Quem não serve a Deus nos irmãos e quem não acolhe o irmão, deixando o seu passado de lado, olhando para frente, não pode ser cristão, não pode comungar e não pode atualizar os mistérios sagrados. Sejamos ministros da misericórdia e do serviço generoso!

 
 
xm732