Colunas
 
Quais são as condições exigidas para seguir Jesus?
Por: DOM EURICO DOS SANTOS VELOSO
ARCEBISPO EMÉRITO DE JUIZ DE FORA, MG.
 
Leia os outros artigos
 
Para enviar esse texto automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar esse artigo para todos seus amigos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
Leia os outros artigos
 

Quais são as condições exigidas para seguir Jesus? O texto do evangelho deste domingo(Lc 14,25-33) começa pela informação de que grandes multidões  acompanhavam Jesus.

O que estas multidões buscavam? O que elas encontraram? Todos tinham a mesma intenção? Admiravam-se das palavras cheias de sabedoria, de sua autoridade, da sua compaixão, a ponto de alguns declararem de tratar da visita salvífica de Deus. Outros tantos, porém, não eram capazes de ultrapassar o que os olhos contemplavam e reconhecer a verdadeira procedência de Jesus. Tudo isso e muito mais é suficiente para seguir Jesus Cristo?

A resposta do Evangelho é negativa. É preciso, para segui-lo, uma atitude radical: “...renunciar a tudo o que tem” – esta é a condição para der discípulo de Cristo.

Entre os versículos 25 e 33, há uma inclusão, isto é, o tema que será desenvolvido entre esses dois versículos através das duas parábolas. Trata-se de prever, de medir forças, de saber calcular os riscos. Trata-se, noutras palavras, de sabedoria, de adequar as ambições aos meios de que se dispõe,

Para seguir Jesus, é preciso fazer uma escolha. Em primeiro lugar, estar disposto ao desapego. Sem desprezar a quem se ama, os familiares, á preciso não permitir que eles se constituam em obstáculo para o seguimento de Cristo. Se assim fosse, não seria amor verdadeiro, mas possessão.

Mas o desapego tem que ser da própria vida. A defesa de interesses, privilégios e seguranças pessoais é incompatível com o seguimento de Cristo. Em segundo lugar, é preciso aceitar o risco do seguimento de Cristo, a saber, a perseguição, o sofrimento. É exatamente isto que significa “carregar a cruz”. Em terceiro lugar, é preciso renunciar aos bens. Trata-se então de renunciar, como exigência do seguimento de Jesus Cristo, às seguranças afetivas e materiais.

A quem se dispõe a seguir Jesus, desde o início, é exigido dele renunciar a tudo que possa ser um obstáculo para se colocar livremente a serviço do Reino de Deus. A segurança do discípulo é, antes de tudo, seu Senhor.

 
 
xm732