Colunas
 
"GRATIA"
Por: Adriano José Gonçalves
Paróquia Santuário de São Judas Tadeu
Sete Lagoas - Minas Gerais
E-mail: sharingamn@gmail.com
 
Leia os outros artigos
 

Hoje, gostaria de caminhar um pouco dentro de um termo teológico. O que nós chamamos de "graça", surgiu em língua latina como "gratia". É uma palavra que se faz presente na Bíblia para marcar a benevolência e auxílio de DEUS, enquanto algo sumamente necessário para cada ser humano. Os dicionários dizem tratar-se de um "favor dispensado ou recebido". Os teólogos chamam a graça de "dom ou virtude especial concedido por DEUS como meio de salvação ou santificação". Saindo da teologia e dos dicionários, e usando poucas palavras, graça é um "favor concedido por DEUS a uma pessoa"; ou pelo menos assim eu a vejo.

Outro dia, ouvi um padre falar sobre a "Graça Original", o que me levou a pensar na "Graça Cotidiana". São notáveis quantas coisas singelas e significativas acontecem diariamente. Você já parou para pensar nisto? O acaso e as coincidências são desculpas que as pessoas julgam eficientes para deixar de explicar algumas coisas.

Porém, algo é nítido: recebemos muitos indicativos pelos nossos caminhos. Muitos sinais são deixados diante de nós. Coisas pequenas. Singelas. Que se complexão. E crescem. E transformam. E mexem conosco. E mudam algo dentro de nós...

Creio muito nisto. Nos sinais de DEUS, dentro e fora de nós. Quando falta a força, e começamos a duvidar. Quando precisamos mudar nossa ótica, ou ouvir certas palavras. Quando deixamos de acreditar em coisas verdadeiras, e não vimos do que havíamos desistido. Quando não parece haver mais tempo ou jeito. Quando pensamos que não vale mais a pena. Quando deixamos de sentir certo sabor peculiar da vida. Quando abandonamos certos sonhos e convicções. É nessas horas que acontece a "Graça Cotidiana"... Quando sentimos real necessidade de ajuda, e nós mesmos não conseguimos enxergar isto...

"Graça Cotidiana" é quando DEUS muda os sinais do trânsito das vidas, e marca encontros. É quando há uma espécie de reprogramação no fio da realidade. É quando os caminhos se cruzam. É quando DEUS toca o íntimo das pessoas, e as mostra uma nova direção rumo a alguma coisa maior. A "Graça Cotidiana" atua revitalizando as emoções e a razão. Ela nada força nem obriga. Tão-somente indica algo mais... Ela abre os olhos da fé. Fé em si mesmo, nos outros e em DEUS...

Consciente ou inconscientemente, a muito de DEUS se manifestando diariamente em cada um de nós. Deixando sinais. Advertências, que não nos movem, mas nos mostram caminhos. Somos agraciados com a nossa liberdade, pois a graça divina sempre permite a livre escolha. Mas eis a questão: vou aceitar ou não o que ELE me mostra?

"Graça Cotidiana". Creio muito nisto. Tanto que ouso dizer: hoje sou muito feliz, porque eu a reconheci atuando em minha vida. Acreditem nada acontece por acaso... A menos que para você, a palavra acaso seja sinônima de DEUS... Vamos deixar as coincidências para os filmes, livros e desenhos animados. No mundo real, com os pés no chão, a história é bem diferente. Não precisa acreditar nas minhas palavras. No entanto, não duvide da atuação divina no cotidiano... Talvez algum dia você acabe sentindo coisas que não pode explicar... E acabe entendendo... Mesmo nas pequenas coisas, DEUS age...



 
 
xm732