Adoração diante o Santíssimo Sacramento
 
Eis-nos aqui! Envia-nos!
Enviado por: Claudia Francischetti
Paroquia Sâo Sebastião/ Limeira-SP
 
Confira a lista com os outros modelos de Hora Santa
 
Para enviar essa peça de teatro automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar esse artigo para todos seus amigos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
 
Gostou dessa Hora Santa? Salve em formato word.
 
Confira a lista com os outros modelos de Hora Santa
 
 

HORA SANTA EUCARISTICA 2013 : EIS-NOS AQUI! ENVIA-NOS!

 

I - ABRINDO–NOS À ORAÇÃO (em pé)

Chegada: oração pessoal silenciosa.
                Graças e louvores se deem a todo momento (3 vezes)
                - Ao Santíssimo e Diviníssimo Sacramento

DIR: Em nome do PAI, do FILHO e do ESPIRITO SANTO = Amém

Leitor:  “Eram nove horas da manhã, quando o pregaram na cruz. Os que passavam o injuriavam e, balançando a cabeça, diziam: Ah, tu, que destróis o templo e o reconstróis em três dias, salva-te agora e desce da Cruz”

Motivação (sentados):

DIR.: Durante todo o tempo quaresmal, tivemos a oportunidade de nos prepararmos para s solenidade da Pascoa da Ressurreição do Senhor. Os textos bíblicos desde período, sobretudo os evangelhos dominicais, nos levaram a uma caminhada batismal de conversar e adesão ao projeto de visa que Jesus veio trazer: projeto de amor e misericórdia. 

TODOS: “DEUS É AMOR, E POR SER AMOR SEMPRE NOS ACOLHE EM SUA MISERICORDIA. APESAR DE NOSSAS LIMITACOES, MUITO OBRIGADO, SENHOR POR REVELARDES VOSSA MISERICORDIA PELO AMOR!”.

LEITOR 1: Com a celebração do Domingo de Ramos e da Paixão do Senhor revivemos Sua entrada triunfal em Jerusalém e, com todos os que lá estavam, O acolhemos e aclamamos...
TODOS: HOSANA AO FILHO DE DAVI! BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR.  HOSANA AO FILHO DE DAVI!

DIR.: Celebrando agora ao Tríduo Pascal, estamos revivendo os últimos momentos do Senhor Jesus entre os seus discípulos.

LEITOR 2: Revivemos a Ceia Sagrada na qual ELE lavou-nos os pés e deixou-nos Seu Testamento de Amor
TODOS: EU VOS DOU ESTE NOVO MANDAMENTO, ESTA NOVA ORDEM: QUE VOS AMEIS UNS AOS OUTROS, COMO EU VOS AMEI!

DIR.: Revivemos a noite da despedida! Conforme ouvimos: “Antes da festa da Pascoa Jesus sabia que tinha chegado a sua hora. A hora de passar deste mundo para o Pai. Ele, que tinha amado os seus que estavam no mundo, amou-os ate o fim” (Jo 13,1) consciente de seus últimos momentos entre os seus, Jesus quis comunicar, aos discípulos e a nos, sua preciosa herança espiritual... Acompanhemos, novamente este texto tão significativo (em pé).

LEITOR 3.: Proclamação do Evangelho João 13,1.4-5.12-15

DIR.: Irmãs e irmãos, nesta hora em que Cristo Jesus entrou em agonia no Horto das Oliveiras, recordemos de todos aqueles que no mundo inteiro, a estas horas, se encontram angustiados, desesperados, quem sabe, por que a vida se tornou para eles um beco sem saída. Coloquemos aqui nossas próprias angustias... Em tudo isso, e a própria agonia de Cristo que continua e se prolonga... Da boa de todos os angustiados do mundo ouçamos aqui e agora, no silencio da oração, a queixa que Jesus dirigiu a seus amigos: “Será que vocês não podem vigiar pelo menos uma hora comigo?”...

(silencio)

DIR.: “Sabei que Eu estarei sempre convosco ate o fim dos tempos.” Esta é a promessa de Jesus, que encontramos no Evangelho de São Mateus. Porém, antes da entrega de Sua vida pela vida do mundo, pede-nos que vigiemos e oremos com Ele...

TODOS: SENHOR, VOS AGRADECEMOS POR VOSSA ENTREGA TOTAL EM FAVOR DE TODA A HUMANIDADE. AGRADECIDOS AQUI ESTAMOS, VOS ACOMPANHANDO NOS MOMENTOS DE AGONIA E AFLIÇÃO.

(sentados)
CANTO 1              
                                                                                                                                                                                                                                1
II - EIS-ME AQUI, ENVIA-ME! Fraternidade e Juventude

DIR.: Este ano a Campanha da Fraternidade propôs-nos a olhar a realidade dos jovens, acolhendo-os com a riqueza de suas diversidades, propostas e potencialidade; entende-los e auxilia-los neste contexto de profundo impacto cultural e de relações midiáticas; fazer-se solidários em seus sofrimentos e angustias especialmente junto aos que mais sofrem com os desafios desta mudança de época e com a exclusão social; reavivando-lhes o potencial de participação e transformação.

LEITOR 1.: O Objetivo geral da campanha da Fraternidade de 2013 é colher os jovens no contexto de mudança de época, propiciando os caminhos para seu protagonismo no seguimento de Jesus Cristo, na vivencia eclesial e na construção de uma sociedade fraterna fundamentada na cultura da vida, da justiça e da paz.

TODOS: NO CONTEXTO DO ANO DA FÉ É PRECISO QUE TODOS, IGREJA E SOCIEDADE, NOS MOBILIZEMOS A FIM DE NOS SOLIDARIZARMOS COM TODOS OS JOVENS E AUXILIÁ-LOS A SE ORGANIZAREM EM FUNÇÃO DE SUAS PRÓPRIAS VIDAS E DO EXERCÍCIO DO PROTAGONISMO QUE DELES SE ESPERA, NAS COMUNIDADES E NA LUTA POR UMA SOCIEDADE QUE PROPORCIONE A VIDA PARA TODOS.

DIR.: O senhor sempre se fez e se faz presente na Historia. Foi assim, quando chamou ao jovem Isaias para profetizar e assim nos dia de hoje, quando chama a cada um de nos. Ouçamos ao texto bíblico (em pé)

LEITOR 2.: Leitura do Livro do Profeta Isaias 6,1-8

CANTO 2
(sentados)
DIR.: Abrir-se ao novo, reconhecer a juventude como protagonista da evangelização e artificie da renovação social exige algumas atitudes que, se adotadas, permitirão que os jovens contribuam para a construção de uma civilização geradora de vida em abundancia as pessoas, segundo o plano de nosso Deus para seu povo. São realidades que precisam ser recriadas com a participação solidaria de todos.

LEITOR 3.: RECRIAR o sentido da existência e da realidade, ou seja, da busca do sentido da vida, compreendendo, nesta busca, quase caminhos seguir, quando e porque se sacrificar, quais os valores a defender, o que esperar da vida e o que buscar no outro.
TODOS: PERDOAI-NOS SENHOR, SE MUITAS VEZES SOMOS OMISSOS OU EGOISTAS NESTA BUSCA DE SENTIDO DA VIDA DEIXANDO DE DEFENDER VALORES IMPORTANTE E NÃO RECONHECENDO O ESFORÇO PROPRIO DE CADA UM, MUTAS VEZES EXIGINDO DO OUTRO MUITO MAIS DO QUE ELE PODE E CONSEGUE OFERECER, AGINDO COM INTOLERANCIA E INSTRANSIGENCIA.

LEITOR 4.: RECRIAR relações significativas com o Deus, ou seja, reconhecer que há um SER onipotente e transcendente, que esta na origem e no fim de tudo - para nós: Deus- que ama e se comunica com todos.
TODOS: PERDOAI-NOS, SENHOR PORQUE MUITAS VEZES NÃO ENTENDEMOS ISTO COMO DEVERIAMOS E NÃO PROFESSAMOS ESTA FÉ QUE EXIGE DE CADA DISCÍPULO MISSIONARIO O RECONHECIMENTO DA DIGNIDADE DE TODA PESSOA HUMANA SEM DISTINÇÃO.

DIR.: RECRIAR as relações afetivas e a vida comunitária, vivendo em comunhão, amando a todos, fazendo a paz transparecer em todas as palavras e gestos.

LEITOR 1.: RECIRAR relações de gratuidade para uma postura afetiva- construtiva, superando o individualismo e a competição, acolhendo valores éticos que edificam e humanizam todos os âmbitos das relações pessoais e sociais.
REFRÃO ORANTE: Ó LUZ DO SENHOR QUE VEM SOBRE A TERRA INUNDA MEU SER, PERMANECE EM NÓS (BIS)

LEITOR 2.: RECRIAR as relações e o compromisso nesta mudança de época, reconhecendo os benefícios em meios de comunicação social atuais e utilizando-os com discernimento, para que os encontros pessoais não sejam prejudicados pelos virtuais, nem alienem ou isolem as pessoas.
REFRÃO ORANTE: Ó LUZ DO SENHOR QUE VEM SOBRE A TERRA INUNDA MEU SER, PERMANECE EM NÓS (BIS)

LEITOR 3 .: RECRIAR o dinamismo da transformação da sociedade protagonizando ações solidarias, combatendo os processos de marginalização, promovendo ações contra as drogas, a violência e os sofrimentos em geral, desenvolvendo assim, uma consciência critica e construindo espaços alternativos de vivencia.                                                                                                                                   
REFRÃO ORANTE: Ó LUZ DO SENHOR QUE VEM SOBRE A TERRA INUNDA MEU SER, PERMANECE EM NÓS (BIS)                           2

LEITOR 1.: RECRIAR relações de respeito e de integração com o meio ambiente, não sobrepondo a natureza a pessoa humana e adotando novo estilo de vida, orientando para o desenvolvimento integral de todos, revendo o atual padrão de consumo.
REFRÃO ORANTE: Ó LUZ DO SENHOR QUE VEM SOBRE A TERRA INUNDA MEU SER, PERMANECE EM NÓS (BIS)

LEITOR 2 .: RECRIAR a razão para além da razão instrumental, avançando para o conhecimento que vá além da necessidade de produzir e servir ao mercado, estabelecendo relações serias de fraternidade e justiça, para que se supere a indiferença e o conformismo com situações geradoras de sofrimento e morte.
REFRÃO ORANTE: Ó LUZ DO SENHOR QUE VEM SOBRE A TERRA INUNDA MEU SER, PERMANECE EM NÓS (BIS)
(em pé)
DIR.: No Espirito de quem deseja assumir o compromisso de colocar-se disponível ao chamado e ao envio que Deus faz através das realidades do mundo e da vida, respondendo com fé: “Eis-me aqui, envia-me!" rezemos juntos:

PAI SANTO, VOSSO FILHO JESUS, CONDUZIDO PELO ESPIRITO E OBEDIENTE A VOSSA VONTADE, ACEITOU A CRUZ COMO PROVA DE AMOR A HUMANIDADE, CONVERTEI-NOS E, NOS DESAFIOS DESTE MUNDO, TORNAI-NOS MISSIONARIOS A SERVICO DA JUVENTUDE. PARA ANUNCIAR O EVANGELHO COMO PROJETO DE VIDA, ENVIAI-NOS SENHOR; PARA SER PRESENÇA GERADORA DE FRATERNIDADE, ENVIAI-NOS, SENHOR; PARA SEREM PROFETAS EM TEMPO DE MUDANCA, ENVIAI-NOS, SENHOR; PARA PROMOVER A SOCIEDADE DA NÃO VIOLENCIA, ENVIAI-NOS, SENHOR; PARA SALVAR A QUEM PERDEU A ESPERANÇA, ENVIAI-NOS, SENHOR; PARA A ACEITAÇÃO DA BOA CONDUÇÃO DE NOSSA IGREJA A SER REALIZADA PELO PAPA FRANCISCO, ENVIAI-NOS SENHOR...

III - EUCARISTIA, VIDA PARA A IGREJA

DIR.: Depois de morrer, o Senhor deu-se a conhecer no partir do pão. Por isso, o pão eucaristizado é para nós presença viva, real e permanente de Jesus em nosso meio! Acompanhemos o texto com o silencio de nossa oração.

LEITOR 3.: Proclamação do Evangelho segundo São Lucas 24,13-35.

CANTO 3
(sentados)
LEITOR 4 .: Deste modo, o Senhor nunca esta ausente... Ele é presença no irmão e na irmã de caminhada, é presença na comunidade que se reúne, ora, canta, celebra, promove a vida, é presença nos gestos de acolhida, de partilha, de fraternidade e de solidariedade...
TODOS: Perdão Jesus, porque somos ainda tão pecadores.

LEITOR 1.: O senhor Jesus se faz presença também nos momentos de dor, de angustia e aflição, nos momentos de incerteza e solidão, de ausência e abandono. Basta conseguirmos reconhece-lo, pela fé...
TODOS: SENHOR JESUS, CREMOS EM VOSSA PRESENÇA, EM CADA MOMENTO DE NOSSAS VIDAS, E VOS AGRADECEMOS MUITO POR ESTA PRESENÇA! ABRI SEMPRE MAIS NOSSOS OLHOS DA FÉ PARA QUE O VEJAMOS, O RECONHEÇAMOS E O VIVAMOS ANUNCIANDO-O EM NOSSA MISSÃO!

LEITOR 2.: Desta forma, estaremos mais perto de viver no dia-a-dia a fé que professamos e a Eucaristia que celebramos. O Corpo e Sangue do Senhor Jesus eucaristizados que comungamos se tornará vivo e presente na família, na comunidade e na sociedade por nossos gestos e atitudes. Estaremos construindo um mundo de irmãos e irmãs...
TODOS: Vede, Senhor, nossa fraqueza e socorrei-nos         

DIR.: A cada momento é importante que reafirmemos nossa fé na presença real de Jesus na Eucaristia e nos comprometamos com a vida que dela emana para a Igreja e para toda a humanidade, para o planeta enfim.  Também é importante que assumamos os compromissos que emanam da Eucaristia: união, partilha, justiça, amor, fraternidade, entre tantos outros, sempre contando com a ajuda de Nossa Mãe Maria Santíssima.

CANTO 4
DIR: Convidamos agora para que somente os Jovens e crianças aqui presentes  fiquem em pé, para que recebam de nossa comunidade nossas palmas, e que elas representem a vocês o incentivo de estarem sempre no caminho de fé e da perseverança dentro da nossa Igreja. E agora com toda a assembleia em pé e com a mão estendida para estes JOVENS, rezemos uma AVE-MARIA:
3
DIR.: Diante do Senhor Jesus, presença viva no pão eucaristizado, intensifiquemos nossa oração comunitária:

TODOS: SENHOR JESUS, PÃO DA VIDA, BENDITO SEJAS PELO PÃO DE CADA DIA E PELA ALEGRIA DE VIVER, POR TANTAS PESSOAS AMIGAS, PELA SAÚDE, PELA NOSSA COMUNIDADE. VOS QUE TANTAS VEZES FOSTES AO ENCONTRO DOS QUE SOFREM, TENDE PIEDADE DE TODAS AS PESSOAS QUE VIVEM NA SOLIDÃO OU PASSAM PELA DOENÇA, OU SÃO VÍTIMAS DE LEIS INJUSTAS. LEMBRAI-VOS, SENHOR JESUS, DA VOSSA IGREJA, QUE MUITAS VEZES EXPERIMENTA A FRAQUEZA E A INFIDELIDADE AO VOSSO EVANGELHO. DAI, O SENHOR, A TODAS AS RELIGIÕES A GRAÇA DE UM DIÁLOGO RESPEITOSO E AS IGREJAS CRISTÃS A UNIDADE VISÍVEL, PARA QUE O MUNDO CREIA. DAI-NOS, SENHOR, A GRAÇA DE VIVER O AMOR CONCRETO EM NOSSA FAMILIA, EM NOSSA COMUNIDADE E DE ESTAR SEMPRE DISPOSTOS  A CONSTRUIR A PAZ, AINDA QUE TENHAMOS QUE DAR A VIDA.

PAI NOSSO QUE ESTAIS NO CEU...

POIS VOSSO É O REINO, O PODER E A GLORIA PARA SEMPRE.

DIR.: Diante de tantos apelos de Deus, cristãos de todas as Igrejas são convocados como instrumentos de transformação. E nós, católicos, claro, o somos também! Não atender as vítimas da violência e exclusão é voltar as costas ao próprio Deus. Entre essas vitimas estão também os agressores, porque são ovelhas perdidas que precisam ser recuperadas. Mas não são só as pessoas individualmente que precisam ser regeneradas, o próprio sistema da vida que nos cerca tem que ser curado de seus desvios destrutivos, entre eles a visão econômica que privilegia o TER a qualquer preço, mesmo que isso signifique a destruição da natureza, o desvio das verbas públicas destinadas a saúde e o desrespeito total da Vida no planeta.

REFRÃO ORANTE: Vem Senhor! Vem nos salvar, com teu povo vem caminhar! (BIS)

LEITOR 3.: Ainda, como uma prece, diante do Senhor Jesus, pecamos pela Paz...sempre tão frágil e ameaçada, mas tão necessária. Comprometamo-nos em sermos instrumentos da paz. Que consigamos, a partir desta Campanha da Fraternidade, dar um novo impulso no caminho da caridade, da justiça, da solidariedade e da VIDA digna e saúde integral para todos. Como irmãos, na diversidade de Igrejas que se unem pelo amor ao projeto de Jesus, peçamos a força da graça e sabedoria do Espirito Santo para transformar o que precisa ser curado.

REFRÃO ORANTE: Vem Senhor! Vem nos salvar, com teu povo vem caminhar! (BIS)

LEITOR 4 .: Neste ano declarado como Ano da Fé, nos preparando para a Jornada Mundial da Juventude, é importante reafirmarmos sempre mais a nossa fé: fundada em Jesus Cristo, vivo e ressuscitado, Aquele que nos alimenta e fortalece na Eucaristia, Aquele que,  vindo do pai, fez-se como nós exceto no pecado, para resgatar-nos; Aquele que sendo elevado à direita de Deus, deixou-nos o Espirito Santo para nos orientar e nos guiar nesta caminhada...

CANTO 5

DIR.: Senhor Jesus Cristo, presente na Eucaristia e em nossos corações, agradecemos a vós de coração sincero, porque vivemos para vos fazer companhia e contemplar o mistério de vossa doação em favor de toda a humanidade. Na verdade fostes vós que nos acolhestes e nos confortastes o espírito com a vossa presença e a força de vossa Palavra.  Concedei-nos a força de sermos os multiplicadores do vosso gesto de amor em favor dos nossos irmãos e irmãs. Vós, que sois Deus e viveis com o Pai e o Espirito Santo.
TODOS: AMÉM

DIR.: Que o Senhor abra nossos corações para Vossa lei e Vossos mandamentos e nos conceda a paz. Que Ele ouça nossos louvores, orações e súplicas e, permanecendo conosco, ajude-nos a trilhar os caminhos deste mundo, orientando nosso passos pelas estradas do bem, da justiça e da paz!
TODOS: AMÉM

DIR.: Abençoe-nos o Senhor nosso Deus: Pai, Filho e Espirito Santo... Confortando-nos com sua paz!
TODOS: AMÉM

DIR.: Permaneçamos na paz do Senhor e, iluminados pelo Espirito Santo nos tornemos sempre mais discípulos e missionários de Cristo Jesus!

TODOS: Assim Seja! Graças a Deus!

 
 
xm732