Tamanho da fonte
Diminuir o tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte
 

Incoerência

Ouça uma voz baixinha, do seu ventre maternal:
Deixe-me nascer, mamãezinha, não me faça tanto mal.

Você tem medo da morte, como o Diabo tem da
cruz, mas quer matar-me no ventre, impedindo-me de vir à luz.

Você que tanto reprova a matança de inocentes,
quer jogar-me para fora do santuário do seu ventre.

Deixe-me nascer, mãe querida, para gozar do seu
amor e consagrar minha vida todinha a Deus Nosso Senhor.

Laerte Ribeiro de Campos - Capivari - SP

 
 
 
 
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar essa mensagem para todos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.


http://www.catequisar.com.br/mensagem/mae/msn_18.htm

 
Clique aqui e envie essa mensagem.