Tamanho da fonte
Diminuir o tamanho da fonteAumentar tamanho da fonte

 

Mamãe

Você que me deu o bem mais precioso.
"A vida"
Me esperou com tanto carinho.
Me ensinou os primeiros passos.
As primeiras palavras.

As lembranças mais antigas que tenho de você,
É sua mão segurando a minha para me dar proteção.
Sua voz doce, cantando cantigas de ninar,
me fazendo dormir e sonhar.
Um sono sereno, tranqüilo,
Sabendo que você estaria ali a me proteger.

Você que lutou, sorriu, chorou.
Mas não deixou a amargura tomar conta de seu coração.
Você que me ensinou a ser adulto,
mas continuar com meu sonhos de criança.
A ser forte, sem ser amarga.
Abrir meus caminhos,
Tomando sempre cuidado com as plantinhas ao redor.

Com você aprendi a ser "gente" que respeita "gente".
Aprendi a ter fé, aprendi a aceitar os defeitos das pessoas.
Aprendi que o amor tem que ser incondicional.

Minhas melhores lembranças,
são as que você cria todos os dias...
no amor que sinto em tudo o que você faz.
No brilho de seu olhar

Mãe...
Que Deus a proteja sempre,
Te ilumine, te de forças para continuar sua batalha.
E que eu possa sempre sentir e ter esse amor maior
em todos os momentos de minha vida.




Essa poesia é de autoria de Iraima Bagni (*Laur@), feita em homenagem a sua querida mãe Teresa.


 
 
 
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar essa mensagem para todos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.


http://www.catequisar.com.br/mensagem/mae/msn_02.htm

 
Clique aqui e envie essa mensagem.