Contos e reflexões

Eu quero "mé"!

Havia, certa vez, em um hospital, dois doentes que estavam inconscientes. Um deles era um senhor que havia sofrido um grave acidente de carro. Mesmo fora de si, ele gritava: "Eu quero "mé"! Eu quero "mé"!..." Muitos chamam a pinga de "mé".

Seguindo o corredor do hospital, logo na frente havia uma velhinha, também já inconsciente. Mesmo fora de si, ela dizia: "Ave Maria, cheia de graça! Ave Maria! Santa Maria!..." Ela foi repetindo essas palavras, até que diminuiu a voz, e morreu, como um anjo.

O Espírito Santo faz o cristão dar testemunho, até quando está inconsciente.

Tal viva tal morte. Do lado que a árvore cresce, ela cai. Imagine se Deus vai pegar aquela velhinha e jogá-la no inferno! Ela já vivia antecipadamente no céu!

Quando morremos, Deus respeita aquela direção que dávamos à nossa vida aqui na terra. Quem preferiu viver sempre longe de Deus aqui, vai ter esta vida lá. Quem escolheu viver sempre com Deus aqui, viverá com Deus também lá. Deus respeita o dom que ele mesmo nos deu: A liberdade.

Maria Santíssima, a esposa do Espírito Santo, foi a pessoa que melhor seguiu suas inspirações aqui na terra. Por isso, nem passou pela morte. Nossa Senhora da Assunção, rogai por nós!

Adaptação: Pe. Queiroz
www.a12.com

Para enviar o recado automaticamente no FACEBOOK, clique no botão abaixo:
Você tem muitos amigos e envia e-mails para todos? Então você pode enviar essa mensagem para todos de uma única vez, basta copiar a url abaixo e colar em seu e-mail.
Para enviar manualmente, copie CTRL C o código acima e cole CTRL V no mural ou mensagens de e-mails dos seus amigos:
 
LEIA AS OUTRAS MENSAGENS
Aprenda como enviar nossas mensagens:
Compartilhando no mural do facebook
Para publicar essas mensagens no seu mural do facebook com todos os amigos. Clique no link acima e saiba como.
 
Compartilhando no mural de um amigo.
Gostaria de enviar essas mensagens apenas para um amigo, o que eu faço?. Clique no link acima e saiba como.
 
Enviar por email
Quero enviar as mensagens por email. Clique no link acima e saiba como.
 
Voltar ao índice dos contos e reflexões
 
 
 
 
 
xm732